Notícias UNETRI

Biblioteca

12 LIVROS VENCEDORES DO JABUTI PARA A SALA DE AULA OU PARA A BIBLIOTECA

Ganhadores foram anunciados pela Câmara Brasileira do Livro. As dicas vão de obras paradidáticas, Pedagógicas, Psicologia e Psicanálise, a romances

 

Fonte: novaescola.org.br - Ilustração: Getty Images

Comprar livros e renovar a prateleira é uma tarefa difícil. As opções são inúmeras e nem sempre sobra tempo livre para ler ou dinheiro para comprar as novidades e os clássicos que você ainda não tem.

Para ajudar nessa missão quase impossível, a Nova Escola escolheu 12 livros, da lista de vencedores do 59º Prêmio Jabuti, anunciados em 31 de outubro, pela Câmara Brasileira do Livro.

É a premiação literária mais importante do país, que reconhece livros de 29 categorias.

Uma das novidades deste ano é a inclusão da seção de Histórias em Quadrinhos.

 

CATEGORIA EDUCAÇÃO E PEDAGOGIA

"Alfabetização: A Questão dos Métodos", de Magda Soares, pela Contexto

Neste, a especialista em alfabetização e blogueira de Nova Escola apresenta os diversos métodos utilizados para alfabetizar crianças, sem deixar de lado a realidade das escolas, o histórico dos problemas de alfabetização no Brasil e as controvérsias entre as hipóteses.

"A Instrução Pública nas Vozes dos Portadores de Futuros (Brasil - Séculos 19 e 20)", de Carlos Monarcha, pela EDUFU

O autor faz uma viagem desde a formação do Império até o Estado Novo e conta um pouco da história da Educação Básica na rede pública como estratégia política dos governos.

"Currículos Integrados no Ensino Médio e na Educação Profissional: Desafios, Experiências e Propostas", de Francisco de Moraes e José Antonio Küller, pela Editora Senac São Paulo

A Educação profissional, feita a partir da integração do Ensino Médio com o técnico, é colocada neste estudo sob o ponto de vista teórico e prático. Ideal para quem quer entender mais sobre esse sistema.

 

CATEGORIA PSICOLOGIA, PSICANÁLISE E COMPORTAMENTO

"O Adolescente e a Internet: Laços e Embaraços no Mundo Virtual", de Cláudia Prioste, pela Editora da Universidade de São Paulo / FAPESP

Eles são nativos digitais e podem dar um nó na cabeça de qualquer adulto quando estão na frente do computador ou do celular. Este estudo feito a partir da análise dos hábitos e interesses dos jovens pode ajudar a entender qual a relação dos adolescentes com a internet e de que forma eles se conectam com redes sociais, jogos online, sexo virtual.

 

CATEGORIA DIDÁTICO E PARADIDÁTICO

"África e Brasil História e Cultura", de Eduardo D'Amorim, pela FTD Educação

No mês da Consciência Negra, este livro pode dar ainda mais suporte para as aulas relacionadas à cultura afro-brasileira. As interações entre a civilização brasileira e a africana são muito maiores e profundas do que diz o senso comum, principalmente na formação política e cultural do Brasil.

"Com os Pés na África", de Sérgio Túlio Caldas, pela Moderna

Neste livro de viagens, em uma mistura de quadrinhos, linguagem digital e literária, o personagem Túlio visita Angola, Marrocos e o deserto do Saara, enquanto mostra uma visão contemporânea da história, geografia e cultura desse continente.

"Terra de Cabinha: Pequeno inventário da vida de meninos e meninas do Sertão", de Gabriela Romeu, pela Peirópolis

A infância no sertão nordestino em forma de um divertido manual. A jornalista e documentarista Gabriela Romeu conta histórias e compartilha brincadeiras, receitas e adivinhas que podem enriquecer as relações entre crianças e adultos e também as aulas da Educação Infantil e do Fundamental.

 

CATEGORIA ROMANCE

"Machado", de Silviano Santiago, pela Companhia das Letras

Machado de Assis, ele mesmo, em uma ficção. O escritor Santiago recria os últimos anos da vida de um dos maiores romancistas brasileiros e dá diversas possibilidades para o próprio leitor reinterpretar a vida e obra do autor. 

 

CATEGORIA BIOGRAFIA

"Xica da Silva: a Cinderela Negra", de Ana Miranda, pela Record

Este “conto de fadas” conta a vida da mulher escravizada que virou a senhora dos diamantes. A personagem aparece em suas variadas versões, com diferentes níveis de complexidade, como mulher, esposa, dona de escravos e cheia de riquezas, mas também no papel de uma revolucionária que conseguiu superar a sua condição de “mercadoria”.

 

CATEGORIA HISTÓRIAS EM QUADRINHOS

"Castanha do Pará", de Gidalti Oliveira Moura Júnior (publicação independente)

É a primeira HQ a vencer um Prêmio Jabuti. A comédia dramática contada em quadrinhos com desenhos aquarelados foi produzida com financiamento coletivo e fala sobre a vida de um menino da periferia de Belém do Pará, em uma metáfora para explicar como a castanha-do-pará ficou conhecida mundialmente.

 

CATEGORIA CIÊNCIA E SAÚDE

"Zika: do Sertão Nordestino à Ameaça Global", de Debora Diniz, pela Civilização Brasileira

A doença vira a personagem principal desta obra, que conta como uma epidemia deixou tantas famílias em desespero. A antropóloga Debora Diniz, do Anis - Instituto de Bioética, acompanhou essa história durante vários meses e agora traz relatos que vão muito além dos dados sobre a Zika.

 

CATEGORIA REPORTAGEM E DOCUMENTÁRIO

"Nazistas entre nós: A trajetória dos oficiais de Hitler depois da guerra", de Marcos Guterman, pela Contexto

Em tempos como estes, revisitar o passado pode trazer grandes esclarecimentos. Neste registro, o autor explicar como e porque nazistas que participaram do Holocausto viveram em liberdade, com aval da Justiça, e foram recebidos até como cidadãos honrados, sem trocar de nome, em diversas partes do mundo.

Compartilhe esta notícia: