Notícias UNETRI

Confirmado

'NÃO HÁ RISCO NENHUM, O ENEM ESTÁ MANTIDO'

'Não há risco nenhum, o Enem está mantido', diz diretora do Inep após polícia identificar grupo que planejava fraude

  

Informações: G1 – Foto: Luana Bergmann Soares, diretora de avaliação da educação básica do Inep, tirou dúvidas sobre o Enem durante programa ao vivo no G1

A diretora de avaliação da educação básica do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira - Inep, Luana Bergmann Soares, disse, durante programa ao vivo, exibido no G1, nesta segunda-feira, 30 de outubro, que os participantes do Exame Nacional do Ensino Médio - Enem podem ficar tranquilos, pois a prova está mantida.

O exame será aplicado nos dias 5 e 12 de novembro em todo o país.

O gabarito oficial só será divulgado pelo Ministério da Educação no dia 16 de novembro.

"Não há risco nenhum, a prova está mantida, os participantes podem ficar calmos", disse Luana.

A declaração deve-se ao fato de um grupo suspeito de fraudar o Enem de 2016 planejava fazer o mesmo neste ano, segundo a Polícia Civil de Goiás.

O delegado Rômulo Figueiredo afirmou à TV Anhanguera que este grupo tentou fraudar outros concursos.

“Em alguns casos tem êxito, em outros não. Antecipamos a operação para esta semana visto que estavam planejando, via ponto eletrônico, fraudar o Enem 2017", disse delegado Rômulo Figueiredo.

A Operação Portas Fechadas, da Polícia Civil de Goiás, é realizada paralelamente com a Operação Panoptes, da PC do Distrito Federal.

Juntas, as ações cumprem 15 mandados em Brasília e 18 em Goiânia, contra suspeitos de liderar a chamada "Máfia dos Concursos".

Em nota, a assessoria de imprensa do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira - Inep, responsável pelo Enem, informou que o órgão "não foi notificado e está buscando acesso ao inquérito para poder se manifestar".

 

NOVA APLICAÇÃO, CASO NECESSÁRIO

Segundo Luana, o MEC tem com um dos parceiros o Inmetro que vai informar condições climáticas do país, e se haverá, por exemplo, previsão de muita chuva em determinado local.

Caso haja problemas que impossibilitem a aplicação da prova, segundo a diretora, haverá possibilidade para uma nova aplicação.

"Olhamos para um plano B, sempre temos planos de contigência. Se houver necessidade de nova aplicação, estaremos preparados", citou

A diretora lembrou que além das instituições brasileiras, 27 universidades portuguesas já usam o Enem como sistema para selecionar os candidatos.

Compartilhe esta notícia: